• Fórum dos Empreendedores

Comércio digital e uso da tecnologia aumentam durante crise do coronavírus

A nova epidemia do covid-19 alterou os hábitos e cotidianos no mundo todo. Desde rotinas administrativas até horários comerciais e educacionais, todos estão pensando em como o mundo irá se adaptar à essa nova realidade.


E o que antes parecia mais difícil, agora virou tendência nos comércios de rua e nas formas de venda tradicionais. Dada a atual conjuntura, onde o varejo presencial sofreu grandes quedas devido ao distanciamento social, as empresas estão se reinventando para manter suas vendas, e uma das escolhas para isso é fortalecer a presença digital e aumentar as vendas online.


Mesmo o consumidor tradicional, que ia presencialmente a lojas e comércios para comprar, se viu na situação onde deve vasculhar a internet em busca do produto desejado. Assim, o momento pede a reinvenção na forma de comprar, e os empreendedores perceberam que a tecnologia é uma das melhores aliadas para enfrentar a crise e ter seu negócio funcionando.


O e-commerce se tornou um instrumento importante para a compra de produtos, não apenas no Brasil como em vários lugares do mundo, por exemplo Itália e Alemanha. Por isso, as lojas brasileiras cada vez mais migram para o e-commerce e tratam do negócio como um serviço digital, oferecendo delivery e entregas rápidas.

Empresas se reinventam para enfrentar dificuldades da crise. Foto: Kaleidico em Unsplash.


O desafio atual é transformar o negócio em um serviço online e adaptar as vendas para os canais virtuais, como Whatsapp, Instagram e Facebook. Muitas micro e pequenas empresas arranjam formas criativas de vender, usando marketplaces e ferramentas de gestão, e não obstante, o uso do mercado digital se mostra muito produtivo. Além disso, com tantas pessoas em casa, é natural que o uso das redes sociais se intensifique, algo que oferta uma possibilidade de divulgação dos produtos e da marca.


A ideia agora é pensar no futuro e como reorganizar o negócio pensando nos protocolos de segurança e na volta gradual da atividade econômica. Mas fato é que esse futuro terá a tecnologia como propulsora da economia, e uma saída para as dificuldades econômicas e sociais.


Veja o texto de Gastão Mattos no site E-commerce: https://www.ecommercebrasil.com.br/artigos/tecnologia-e-criatividade-como-se-reinventar-para-manter-se-relevante-em-momentos-de-crise/

 2020 - Fórum dos Empreendedores de São Paulo